terça-feira, 6 de setembro de 2016

quarta-feira, 8 de junho de 2016

3º Mundial de Futsal das Casas do Benfica

Vai realizar-se no Pavilhão da Luz no próximo dia 26 o 3º Mundial de Futsal das Casas do Benfica.
A nossa Casa irá estar representada com uma equipa de federados e outras de órgãos sociais.




quarta-feira, 1 de junho de 2016

segunda-feira, 11 de abril de 2016

Seniores: C B VISEU, 3 - Sever, 2

Vitória justa da nossa perante uma excelente equipa recheada de bons valores, bem trabalhada e que assim valorizaram ainda mais a nossa vitória. Jogo que foi sempre muito equilibrado, e que se definiu na excelente organização defensiva que demonstrámos, ao intervalo já vencíamos por 1-0, não dando grandes oportunidades ao Sever, que embora com mais posse de bola, os nossos jogadores estiveram quase perfeitos a tapar as linhas para a nossa baliza. A segunda parte continuámos muito bem defensivamente e fomos ainda mais perigosos no ataque, fazendo assim o 3-0 naturalmente, falhando ainda algumas oportunidades de golo. Quase no final, desconcentrámo-nos e permitimos 2 golos ao Sever. Vitória dos nossos jovens jogadores que estiveram muito bem nos vários aspectos e conceitos do futsal.
Uma ultima palavra para a equipa de arbitragem e sobretudo para o árbitro principal, que sendo um jovem, deveria ter a cultura suficiente para saber arbitrar, muito mau tecnicamente, com juízos completamente absurdos, critérios dispares a nível disciplinar, complementados com uma arrogância prepotente que nada o dignifica, e que continuando neste caminho o futuro não passará daqui a não ser que estranhamente se consiga colocar árbitros lá em cima sem o mínimo valor para isso.

C B VISEU: Miguel, Renato, Rafa, F.Miguel, David, Marco, Miguel Angelo, Marcelo, Juju, Paulo André e Xico.

MARCADORES: Juju, Rafa (2)

terça-feira, 22 de março de 2016

sexta-feira, 26 de fevereiro de 2016

segunda-feira, 15 de fevereiro de 2016

Seniores: C B VISEU, 3 - C B M.Beira, 5

Mais que a história do jogo fica presente o nervosismo, a provocação, a falta de educação e de respeito de alguns elementos adversários que tiveram a sorte de contarem com a total passividade e impunidade vinda da equipa de arbitragem. Temos assistido este ano a um descambar dos árbitros tanto a nível técnico mas acima de tudo a nível disciplinar. Já tivemos 5 jogadores expulsos, e quando vimos agressões contra jogadores nossos, provocações contra jogadores nossos e árbitros, constantes contestações à equipa de arbitragem, falta de respeito quer com gestos quer com palavras e ver a passividade dos árbitros perante estas acções dos nossos adversários que sentem esta impunidade, é realmente de nos deixar incrédulos. Isto tanto se passa fora como em nossa casa e quem deveria tomar umam acção contra isto nada faz e ao contrário nossos jogadores por muito menos são expulsos. Neste ultimo jogo logo aos 2 minutos o G.Redes adversário perante o remate do nosso jogador isolado defende com a mão fora da área a bola que ia para a baliza, falta e expulsão que simplesmente o sr árbitro não quis ver. Durante toda a 1ª parte e mesmo depois de fazerem o 0-2, eram constantes as contestações dos elementos adversários a qualquer acção dos árbitros que fosse desfavorável e ainda antes do intervalo fazemos o 1-2. Foi com naturalidade que na 2ª parte fizemos o empate e pouco depois o 3-2 e partir daqui tudo era permitido aos jogadores e elementos adversários, Contestação ao atirar com a sapatilha ao chão dentro do campo por duas vezes e leva só um amarelo continuando no banco a proferir em alto e bom som palavras pouco dignificantes, um jogador do adversário que já tem amarelo (uma entrada que deveria ser punida com vermelho pois pos em risco a integridade física do nosso jogador) e que se atirou depois 3 vezes para a piscina a tentar cavar faltas e nem um amarelo viu, os jogadores adversários numa bola que saiu junto ao nosso banco empurraram os nossos jogadores criando um grande sururu que até o G.redes adversário veio com contantes provocações fazendo gestos obscenos com a mão e o capitão provocando tudo e todos, e os srs árbitros nem uma amarelo mostraram, o capitão fez inúmeras faltas e algumas delas perigosas e conseguiu chegar ao fim sem ver o amarelo, continuaram as provocações sem que os nossos jogadores felizmente entrassem neste esquema e quando marcaram o 3-4 todos provocaram o nosso banco tendo o G.Redes que correu desde a sua baliza para insultar nossos elementos no banco e apenas viu o amarelo. Não sabemos o que estará por trás de todo este nervosismo, ás vezes é preciso justificar o dinheiro que se investe e se ganha e os resultados não aparecem, tem que se tentar doutras formas, mas para isso deveriam lá estar os árbitros como garante das leis e regras, sob pena de se tornar numa batalha campal.
Uma palavra aos nossos jogadores que tudo fizeram para ganhar o jogo, não o conseguindo mas não foi por isso que responderam às provocações, e não entraram no jogo dos insultos e faltas de respeito, aqui deram uma goleada.

CASA BENFICA VISEU: Miguel, Renato, João, Miguel Angelo, Telmo, Marco, F.Miguel, Gil, David, Marcelo, Rafael e Juju.

MARCADORES: David, F.Miguel-2

sábado, 30 de janeiro de 2016

Seniores: Rio Moinhos, 5 - C B VISEU, 2

1º jogo da 2ª volta em que defrontámos o lider que só tem um empate e tinhamos sido a nossa equipa. Entrámos muito mal no jogo e facilitámos defensivamente tendo sofrido 3 golos rapidamente, mas no entanto verificámos logo que este jogo estaria muito condicionado, os jogadores do Rio Moinhos entravam às jogadas para lá do normal, com agressividade acima da lei e que não eram assinaladas. Ainda nesta 1ª parte e antes de fazermos o 1º golo, o nosso jogador dentro do meio campo adversário agarra um adversário (amarelo correcto) no entanto o adversário tentou agredir o nosso jogador que por sorte se esquivou e não foi atingido, tentavia de agressão que deveria ser contemplada com vermelho, mas não, segue jogo e para a próxima pode voltar a fazer o mesmo que nada lhe acontece e os nosso jogadores perguntam , então como é? Chegámos ao intervalo a perder 3-1 e percebiamos que as decisões arbitrárias não tinham o mesmo critério e ainda mais mudou quando na 2ª parte fizemos o 3-2 e discutimos o jogo. Cada falta que faziamos eramos amarelados, mesmo quando nao faziamos falta e o árbitro junto à área contrária consegue ver uma falta do nosso G.Redes (nao toca no adversário) junto à linha de fundo da nossa baliza. E a equipa adversária? não fazia faltas? Sim fazia,só que não eram assinaladas, valia de tudo, desde rasteiras, empurrões, mãos na cara, mas siga que o critério é largo, sim é largo mas só para uma das equipas, então mas não é suposto o critério ser igual? Mas mesmo assim estavamos dentro do jogo, todos amarelados, a levar porrada e não serem assinaladas faltas e o que faltava? o cartão vermelho, e lá veio numa decisão que tem a ver com critério, o nosso jogador agarrou o adversário junto à linha do meio campo quando este poderia isolar-se e teria outro colega ao lado já com um nosso jogador perto dele, o árbitro assinalou a falta um pouco antes da linha de 9 metros que foi onde acabou a falta, e expulsou nosso jogador por impedir uma jogada de golo, mas isto não é futebol, não só já estavam nossos jogadores ao lado como ainda havia o nosso G.redes e não estava no corredor central, o critério caiu para o vermelho, Já tivemos vários lances destes e nunca o adversário foi expulso. Aqui sofremos o 4-2 quando faltavam pouco mais de 3 minutos e depois o 5-2. Ao longo do jogo fizemos 8 faltas onde levámos 4 amarelos e um vermelho, à equipa adversária  foram-lhe assinaladas 6 faltas e nem um amarelo!!!! Se calhar foram faltas normais... Não, houve faltas tão ou mais graves que algumas das nossas, só que nunca o amarelo saiu do bolso. Isto nas faltas assinaladas, porque houve muitos mais lances passiveis de falta e bem junto aos árbitros que não assinalaram.
Todos nós erramos, todos nós temos dias maus, mas... Porque se condiciona uma equipa? O Rio Moinhos está acima da lei?
Hoje sentimo-nos impotentes perante os diferentes critérios que não conseguimos compreender, mas ao longo do campeonato as arbitragesn teem-nos penalizado muito acima de tudo a nivel disciplinar.

C B VISEU: Miguel, Renato, Paulo André, David, Telmo, Marco, F.Miguel, Marcelo, Juju, Miguel Angelo e Rafael.

MARCADORES: Marcelo e Juju

domingo, 10 de janeiro de 2016

Seniores: S.J.Pesqueira,4 - C B VISEU, 4

Jogo que sofremos o golo do empate a 6 segundos do fim num livre marcado pelo adversário e que tabelou num jogo nosso e entrou. Jogo que poderíamos ter ganho, mas infelizmente as vitórias teem-nos fugido nos ultimos segundos. Tirando os 3 primeiros classificados somos a equipa com menos derrotas e em todos os empates poderíamos e deveriamos ter ganho esses jogos.
Mas neste jogo, mais que as questões técnicos ou tacticas há que falar dos árbitros.
Num lance junto à linha lateral, e portanto bem junto ao árbitro, o nosso jogador com a bola dominada ia-a escondendo do adversário e este ia dando uma porradas, o árbitro dá a lei da vantagem pois o nosso jogador conseguiu passar e ia em direcção à baliza quando o adversário o agrediu por trás com um pontapé que o colocou fora para o resto do jogo e por mais alguns tempos. Como foi junto do banco adversário todos os elementos do banco se levantaram e pressionaram o árbitro em modos pouco próprios e o Sr árbitro foi assinalar a falta que derivou da vantagem e mostrou cartão amarelo ao jogador. Como é possivel ninguém do trio da arbitragem não ver a agressão? nitida e bem visivel por todos... o que se passou para não marcarem mais uma falta mas mais grave deveriam ter mostrado o cartão vermelho, assim pactuaram com a violência gratuita. Este mesmo árbitro ainda há pouco tempo expulsou no mesmo jogo 2 jogadores nossos e um deles estava no aquecimento e por muito menos colocou-os na rua e agora perante uma agressão e todo um banco a pressionar faltou-lhe a coragem? faltou-lhe o descernimento? Não temos qualquer duvida que se fosse ao contrário o nosso jogador via cartão vermelho. Nesta altura venciamos por 1-3 e realmente o jogo virou a partir daqui.
A 6 segundos do fim sofremos um livre frontal em que o sr árbitro mete a barreira a 6 metros e diz a um jogador nosso, que, coloca a 6 metros pois nós vamos dar uns passos para a frente e ficamos assim a 5 metros...!!!

Não brinquem com o futsal